Game of Thrones: Final De Temporada, Início De Campanha.

Começa hoje, 14/04/19, na HBO o primeiro episódio da última temporada da série de TV Game of Thrones. Muitos fãs já estão desesperados com o final da série mais vista na TV, mas não precisam se sentirem órfãos ou abandonados, afinal se é final da temporada na telinha a série pode continuar nas mesas de RPG através dos livros que vem sendo lançados no Brasil pela Jambô Editora. Irei dar algumas ideias de como prosseguir de onde a série vai parar, mesmo a gente ainda não sabendo seu final, dando sugestões do que pode ser jogado e narrado enquanto a cada domingo os fãs assistem aos episódios desta 8ª e derradeira temporada. A respeito da dúvida que sempre paira sobre a mente de alguns narradores se devem ou não mudar os rumos da história oficial, confiram um artigo abordando o tema clicando AQUI. Vejamos algumas dessas sugestões.

UNINDO-SE A GUERRA

Uma primeira ideia é colocar o grupo de jogadores como uma das várias casas vassalas que servem as casas principais da série. Para isso seria interessante o narrador ter em mãos o suplemento GUIA DE CAMPANHA, (clique AQUI para saber mais) já publicado no Brasil pela Jambô, que dá uma geral nas várias casas vassalas que existem nos livros da série divididas por sua lealdade a cada uma das 7 principais casas conhecidas. Estão lá descritas as casas vassalas do Norte, as casas vassalas leais aos Lannister, aos Baratheons, etc. A descrição das casas trás detalhes inclusive com as fichas de alguns personagens importantes de cada uma delas, ou então apenas o nome e a histórias delas.

Sendo uma dessas casas vassalas, e com a guerra iminente chegando, é preciso tomar partido: vão participar ao lado de seus senhores ou vão descumprir o juramento feito? Só isso já dá uma boa trama e trás boas sessões com intrigas e muita política no meio. Lembrem da cena de John Snow conversando com os vassalos do norte e forcando-os a jurarem lealdade ao novo Rei do Norte. E se a cena fosse diferente e algumas dessas casas não tivessem respondido ao chamado do rei e sua casa fosse, a pedido dele, enviada para tratar dos assuntos junto a essas casas? Será que seriam bem recebidas? Será que sofreriam uma emboscada por não considerarem um Snow como legítimo Rei do Norte? E se a sua casa decidir não responder ao chamado do rei, afinal John Snow é um bastardo dos Starks. Com o inverno mais rigoroso de todos chegando talvez sua casa queira se concentrar em conseguir mantimentos e se preparar para o inverno que pode durar anos.

Outra opção seria colocar sua casa como uma das casas vassalas dos Tyrell. Com os Tyrell exterminados seria preciso decidir a quem servir a partir de agora: Lannister ou Martell? Será que os Lannister iriam ficar satisfeitos se soubessem que sua casa prefere os Martell? Ou os Martell iriam ter que enviar seus assassinos para acabar com o líder da casa quando soube que ela se uniria aos Lannister? Será que sua casa prefere se manter neutra e iria pedir ajuda a outra casa, como a Arryn? E se sua casa quiser agora com o fim dos Tyrell resolver assumir o vácuo deixado por eles? Terão que impor sua vontade as outras casas vassalas e conseguir convence-las, seja através da diplomacia ou da guerra, essa posição para sua casa. Com os Lannister envolvido diretamente na guerra contra o Norte e contra a usurpadora que veio de outro continente muito provavelmente não teríamos o envolvimento das grandes casas nesse assunto. Uma boa oportunidade de se usar apenas as casas menores nessa aventura.

Pode-se também usar as casas vassalas de Pedra do Dragão, que um dia foram leais aos Targaryen, e se posicionarem com a chegada da Mãe dos Dragões ao local, fato que não foi explorado na série até o momento. Com a morte de Stannis Baratheon, que governava o local, eles estão sem a quem serem leais e agora é chegado ao momento de se posicionarem. Entre elas estão a Casa Emmon, Casa Celtigar (excelente para se jogar com ela), Casa Velaryon, e Casa Vidro Solar.

Esse tipo de narrativa precisará de muitas cenas de intriga e política, com talvez alguns momentos de batalha, caso o resultado após a mesa de negociação não fique do agrado dos diplomatas de sua casa. É importante saber bem os tipos de personagens a serem criados. Por hábito vindo de outros cenários de RPGs medievais os jogadores geralmente acham que é necessário ter um de cada classe de personagem, mas não é assim que funciona com GoT. Personagens que sejam nobres, herdeiros das casas e até algum Meistre, serão mais bem utilizados nas aventuras que envolvem política e intriga.

DEFENDENDO A MURALHA

Outra opção é usar o suplemento A PATRULHA DA NOITE, outro que já foi publicado no Brasil pela Jambô, e colocar os jogadores no papel de patrulheiros da Muralha de Gelo contra a chegada do exército dos Mortos-Vivos. Afinal quando começar a batalha ali será o primeiro ponto onde os exércitos rivais irão se encontrar.

Uma primeira ideia é colocar os personagens diretamente na Muralha, com os personagens se preparando para defendê-la. Talvez seja formado um grupo de batedores para confirmar a chegada do exército dos Mortos-Vivos ou para retirar as populações que vivem além da Muralha e levá-las em segurança para o Castelo Black, mas outra ideia é colocá-los em algum dos outros castelos que estão localizados ao longo da Muralha, como a Torre Sombria ou a Guarda Leste-do-Mar, mostrando o que está ocorrendo nesses locais enquanto a trama segue.

Mesmo os castelos abandonados (existe uma lista enorme no livro com detalhes de cada um deles) podem ser ocupados novamente por um grupo na esperança de conseguirem recrutar mais soldados entre a população local para fazer frente ao exército dos Mortos-Vivos, além de tentarem proteger os povoados que existem em torno desses castelos. A aventura pode até começar com os jogadores sendo moradores desses locais quando percebem uma movimentação nos castelos antes abandonados, luzes sendo acessas a noite e vão até lá para saber o que está acontecendo e ficam sabendo das notícias, tendo que agora tomarem uma decisão de se tornarem Homens de Preto para defender suas terras ou não.

NA FRENTE DE BATALHA

Outra opção é colocar os jogadores como personagens que irão estar nas fileiras dos exércitos que estarão na linha de frente da batalha, sejam soldados do Norte, dos Lannisters ou dos Targaryens, como membros das várias casas vassalas leais a um desses grupos.

Eles podem ser enviados em missões de exploração, para fazer emboscada contra os Mortos-Vivos, ou simplesmente estarem na frente da batalha mesmo. Além disso Cersei tem sua própria agenda enquanto a batalha se desenvolve e pode pedir para uma das casas vassalas a ela preparar uma emboscada ou criar uma intriga contra Daenerys ou John Snow enquanto estes estão preocupados com os Caminhantes Brancos.

Jogar com outros personagens que estejam ao lado dos personagens principais também é interessante. Talvez seu personagem seja um Clegane desgarrado, ou algum Kastark que sobreviveu, ou alguém em quem Daenerys confia e envia em uma missão. Crie e explore essas opções. A história é sua. Mude como achar melhor.

ESPERE A TRAMA SE DESENVOLVER

Outra opção e ir vendo episódio por episódio e aproveitando alguns acontecimentos que vão aparecendo na trama e ir incluindo as mesmas na sua aventura a cada sessão. Muitas surpresas então por vir, então talvez os narradores queiram esperar os acontecimentos para ir colocando mais ação em sua campanha.

Bom, espero que as ideias ajudem aos fãs a aproveitarem mais a última temporada na TV, mas reforçando que ela sempre vai existir na sua mesa de jogo. E lembrem-se: Valar morghulis, valar dohaeris.

Um pensamento sobre “Game of Thrones: Final De Temporada, Início De Campanha.

  1. Pingback: Ranking RPGista de Blogs - Abril de 2019 - D&D, Tormenta, 3D&T e mais!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s