O Retorno De John Constantine Em Novo Título.

Logo_Constantine

Por Gustavo Tenório.

Constantine---The-Hellblazer-004-(2015)-(Digital)-(Mephisto-Empire)-001Depois de uma sofrível passagem pelos Novos 52, a DC Comics resolveu acertar o rumo e dar um novo título para o mago John Constantine. Lançado em 2015, Constantine: The Hellblazer resgata as boas histórias do personagem e equipara aos melhores arcos da época do selo Vertigo. A notícia promissora é que a Editora Panini prometeu lançar um encadernado com as seis primeiras histórias em terras brasileiras no final do mês de abril.

Algumas mudanças foram inseridas nesta nova adaptação de Constantine no Universo DC (sim, ele faz parte da mesma realidade que Batman, Superman e Liga da Justiça), mas a essência do personagem criado por Alan Moore, em 1985, e tornado real por Jamie Delano, Garth Ennis, Warren Ellis, Neil Gaiman, entre tantos outros, continua a mesma.

O novo Constantine é dado a excessos. Ele fuma muito, bebe muito, fala muito palavrão – e um fator novo – gosta muito de sexo. As novas histórias são feitas para um público adulto e abordam, sem rodeios, alguns fatores que ficavam implícitos nas encarnações anteriores do personagem. Constantine é bissexual. Mas, os roteiros de James Tynion IV e Ming Doyle são tão bem amarrados, que a escolha sexual do personagem não deve render polêmica.

Mal comparando, saímos de um Constantine criado a semelhança do cantor Sting, para um Constantine que incorpora a identidade de Mick Jagger. Sympathy for the Devil!

O primeiro arco aborda, mais uma vez, o que acontece com as pessoas que se aproximam de John Constantine e como esse contato pode ser mortal. Ainda é cedo para imaginar se algumas das passagens clássicas serão incorporadas a esta nova versão – como, por exemplo, a tragédia de Newcastle ou o período em que o mago passou internado em Ravenscar, mas, as primeiras seis edições já mostram que os roteiristas tem bons elementos para criar uma nova mitologia para o personagem.

44115._SX360_QL80_TTD_Infelizmente, o melhor amigo de Constantine, Chas, ainda não apareceu. Mas, coadjuvantes importantes deram as caras, como Papa Midnight, Gary Lester e Monstro do Pântano (Zatanna também é citada em uma das histórias). Em histórias futuras, Deadman também aparecerá.

Constantine: The Hellblazer deverá ser a porta de entrada para o novo universo de magia do UDC. Mas, os roteiristas, numa espécie de “mea culpa” da editora, deixaram bem claro, nas páginas da primeira edição, que John Constantine NÃO se relacionará com super-heróis. E até a sétima edição, essa orientação foi mantida.

Agora, é esperar abril chegar e, paralelamente a aquisição dos encadernados de Constantine que a Panini tem lançado para publicar toda a fase do personagem que saiu pelo selo Vertigo, ficar de olho nessa nova encarnação do mago inglês, que começou com o pé-direito e tem tudo para agradar os fãs saudosistas e formar um novo público leitor.

Anúncios

2 pensamentos sobre “O Retorno De John Constantine Em Novo Título.

  1. “alguns fatores que ficavam implícitos nas encarnações anteriores do personagem. Constantine é bissexual.” – Em Hellblazer isso nunca ficou implícito.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s