Winter Tales: Os Contos De Fada No Tabuleiro.

LOGO-CON-LIBRO-1120px

images (23)

A caixa do jogo.

Este último final de semana, durante a realização do 5º Encontro de Jogos Analógicos da Dungeon Capixaba, conheci esse jogo de tabuleiro de contar histórias através do amigo Arthur Andrade e fiquei apaixonado. Se você ficou confuso ao ler: “… jogo de tabuleiro de contar história”, não fique. Eu também não entendi de início, mas depois de conhecer o jogo fiquei extremamente empolgado e depois encantado. Tudo porque ele é um jogo que tem um tabuleiro com um mapa da Terra dos Contos de Fadas, chamada aqui de Wintertown, mas sua mecânica é baseada na arte de contar histórias para resolver os conflitos do jogo através de cartas de um baralho especial. Ele é um jogo que foi desenvolvido pela Albe Pavo, uma empresa italiana, e distribuído pela Fantasy Flight.

Personagens como Branca de Neve, o Coelho Branco, Chapeleiro Louco, entre outros, estão no exército do Inverno que procura manter o Regime, um governo tirânico que impõe um inverno sem fim a Wintertown, enquanto Pinóquio, o Espantalho, Alice do País das Maravilhas, entre outros, estão entre os Rebeldes, um grupo clandestino que combatem o Regime para trazer de volta a primavera.

O tema do jogo é baseado no seguinte:

Após a vitória no conflito do outono, o Regime do Inverno tomou a Terra dos Contos de Fadas em seu abraço frio. Abastecido pelo ódio e pelo medo, o Regime visa extinguir a chama do amor e a luz da esperança sob um manto de neve e do frio interminável de uma noite de inverno. Nas vielas sinuosas e nas pequenas casas desesperadamente agarradas à encosta da Wintertown, personagens dos contos de fada movem-se nas sombras, sabendo que não podem permitir que toda a esperança do futuro seja extinta pelo frio, preparando-se para lutar e conduzir o Inverno para longe e deixar a Primavera voltar novamente.

Em Winter Tales, um jogo de tabuleiro storytelling, os jogadores contam o conflito entre os personagens Rebeldes dos contos de fadas, que representam tudo que é bom e esperançoso, e os soldados do Inverno, que encarnam o mal e o frio feroz de Inverno. Os jogadores vão se aliar a uma das facções em conflito, controlando personagens e lutando pelo retorno da Primavera ou o sufocamento de toda a esperança, transformando-se em um inverno sem fim.”

story-cards-winter-tales

As cartas do jogo e seus desenhos.

No BGG, Winter Tales tem nota 6,4, está na posição 3.405 no geral e 518 no ranking temático. O jogo é para 3 a 7 jogadores, que devem escolher, ou sortear, dois personagens entre os 14 disponíveis, 7 de cada facção, e devem se sentar alternadamente entre um jogador do Regime e um dos Rebeldes. Em caso de número ímpar um dos jogadores se torna membro da facção do Escritor, escolhendo um personagem de cada um dos lados antagonistas. O objetivo do escritor é que o conflito termine empatado, para que mais histórias sejam contadas sobre esta guerra. O tempo estimado de uma partida é de 90 minutos, podendo ser maior na primeira vez que jogarem por conta da mecânica de resoluções de conflitos que as vezes jogadores menos experientes sentem dificuldade.

As resoluções de conflitos no jogo, e como os personagens se movimentam pelo tabuleiro, é feito através de um conjunto de cartas especiais que possuem um desenho que deve ser interpretado pelo jogador antes de fazer sua ação. Esta ação deve ser coerente com a narrativa do jogador e baseada no desenho mostrado nela. O grande barato no jogo é que cada um pode interpretar a mesma carta de várias maneiras diferentes em outras sessões do jogo, o que torna sua rejogabilidade alta.

Existem missões e objetivos para serem realizadas por ambos os lados, e o exército que cumprir com mais missões antes que a história chegue ao seu epílogo ganha o jogo, trazendo esperança para a terra dos contos de fadas ou mantendo-a sob o inverno incessante.

Winter Tales envolve o jogador fazendo dele o autor de uma história compartilhada, onde a cada rodada vão sendo acrescentados detalhes a narrativa. As regras incluem sugestões que ajudam a tornar o jogo mais suave e a história mais plausível, no final tornando o jogo mais divertido. O estilo de história a ser contada depende muito do grupo e a interpretação que cada um dará as cartas. Pode ser que aquela sessão se torne um drama denso, ou um romance açucarado, ou quem sabe um banho de sangue e violência com os soldados de cada facção se digladiando pelos cenários que compõem o tabuleiro.

wt_board

O tabuleiro do jogo.

O tabuleiro do jogo contém um mapa dividido em vários locais, ligadas por ruas que incluem praças. Abaixo do mapa está a Trilha de Memória, onde as cartas usadas na narrativa serão colocados para atuar como Memórias da história contada. O espaço mais à direita fora da pista de memória é usado para colocar o Epílogo que mostra quando o jogo chega ao fim. Existem modos de jogo avançado, e várias regras opcionais, o que torna cada vez que se for jogar Winter Tales uma sessão diferente. Os componentes do jogo são belíssimos, sendo as ilustrações o ponto alto do jogo. Um trabalho artístico de primeira. Visite o site da empresa e baixe um pacote com a arte do jogo e o manual de regras em inglês. Você vai ficar impressionado pela qualidade gráfica.

pic1421019_lg

Os marcadores dos personagens usados no jogo.

O fato dos personagens clássicos das histórias dos contos de fadas estarem presentes ao cenário, mas de uma maneira como nunca pensamos, torna mais interessante o jogo. Branca de Neve é a regente da terra dos contos de fada, mas após a sua coroação foi se tornando uma cópia pálida de sua madrasta, ficando obcecada somente por sua beleza e deixando de cumprir suas funções de regente. Pinóquio tornou-se um rebelde, tentando de todas as formas destruir o poder do regime e trazer a primavera de volta a Wintertown. Além deles temos o Coelho Branco, do País das Maravilhas que controla uma fábrica que cria pesadelos, o Lobo Mau, um dos generais do exército do Regime, Dorothy, do mundo de Oz, assim como o Espantalho, Zangado, e vários outros que já nos encantaram quando crianças, cada um deles abraçando um dos lados em conflito.

Jogar Winter Tales é um divertido exercício de imaginação em colocar esses personagens clássicos em uma grande história, onde eles lutam pelos seus ideais, ao mesmo tempo que junto aos seus amigos procura-se contar uma história épica, que ficará marcada na memória de todos, como pede o jogo. Em suma, se você curte board game e também uma boa dose de RPG, ou curte apenas criar e contar uma boa história, Winter Tales é o seu jogo. Experimente antes que o Inverno chegue, e você tenha realmente que pegar as armas para derrubar o regime tirano.

Anúncios

4 pensamentos sobre “Winter Tales: Os Contos De Fada No Tabuleiro.

  1. Caramba, que jogo fantástico!

    Tive a oportunidade de jogar este jogo no Evento da Dungeon Capixaba e espero jogá-lo novamente em breve.
    O mais interessante dele é que os participantes não precisam ficar presos apenas aos personagens que são descritos no jogo. É permitido desenvolver sua narrativa sem qualquer tipo de amarras.
    E as cartinhas do jogo são seu diferencial. Delas podem brotar a mais inesperada situação.
    Muito bom mesmo!
    Bem recomendado.

  2. Que experiência formidável é este jogo!! Ele soma tudo e mais um pouco! Esse jogo é de explodir a cabeça, e te colocar para pensar por dias… Sim, eu ainda estou me sentindo assim após ver a estratégia do Regime do Inverno ter os planos arruinados pelos Rebeldes do Outono. Enfim, será que alguma editora no Brasil teria interesse em lança-lo? Eu faria promoção gratuita desta criança.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s